O ENEM!


*Dolane Patrícia Considerada a prova mais difícil de todos os tempos, o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2015 marcou época! Nunca uma prova foi tão comentada em todo o País. Seja pelo atraso dos candidatos, seja pelo tema da redação. “Criado em 1998 com o objetivo de diagnosticar a qualidade do ensino médio no país. Em 2009, o exame ganhou uma nova função: selecionar ingressantes nos cursos superiores de faculdades e universidades federais.” Educação.uol.com.br Os locais de aplicação da prova começaram a abrir a partir do meio-dia, mas os portões foram fechados pontualmente às 13h, horário de Brasília. Muitos reclamaram, choraram e culparam o atraso do ônibus e até o Horário de Verão. Aconteceu de tudo, até pessoas que ficaram fazendo self na porta do colégio onde fariam a prova e perderam a hora de entrar. As desculpas eram as diversas possíveis: pais sequestrados, pessoas abduzidas, se arrumou demais e perdeu a prova e disse que o importante era estar linda! Em São Paulo, uma menina chegou a desmaiar quando percebeu que o portão da escola onde faria o exame já estava fechado, chegando a tentar cruzar as grades. Os atrasos geraram uma hashtag #ShowdosAtrasados2015. A candidata Katarine decidiu fazer um lanche antes da prova e, acabou perdendo a hora, o mesmo aconteceu com o casal de namorados Vanderson Cunha e Brenda Oliveira, ambos de 21 anos. A estudante Bianca Karine, de 17 anos, culpou o pai pelo atraso no primeiro dia de provas. Ela contou que esqueceu a carteira em casa e o pai só foi chegar 4 minutos depois do fechamento dos portões.G1. Houve o caso de um candidato que viajou 4 dias para fazer a prova e não conseguiu chegar a tempo. O Enem 2015 registrou o menor índice de abstenção desde 2009: 25,5%. A informação foi divulgada neste domingo pelo Ministro da Educação, Aloizio Mercadante. Na edição do ano passado, o índice foi 28,9%. O Enem de Roraima teve a maior abstenção de candidatos do país. Outra questão que mereceu destaque nas redes sociais e imprensa falada e escrita foi o tema da redação do Enem. ”A persistência da violência contra a mulher na sociedade brasileira.” “O tema provocou debates que ultrapassaram os muros dos locais de prova. O tópico foi divulgado no Twitter pelo Ministério da Educação logo no início da tarde, e feministas que não faziam o exame foram rápidas, e organizaram o ato.” O DIA No sábado, o feminismo já havia aparecido em uma questão de Ciências Humanas, com uma frase de Simone de Beauvoir, “Não se nasce mulher, torna-se mulher”. O assunto gerou polêmica e memes nas redes sociais. Os deputados Jair Bolsonaro (PP-RJ) e Marcos Feliciano (PSC-SP) acusaram o exame de doutrinação. “O João não nasceu homem e a Maria não nasceu mulher”, ironizou Bolsonaro, em seu perfil no Facebook. O DIA A propósito, é uma afirmação meio preconceituosa, uma vez que soa com discriminação dizer que “mulher não nasce mulher e homem não nasce homem”, mas gay nasce gay. Importa ressaltar, que na verdade mulher nasce mulher sim e homem nasce homem também, a escolha que vai fazer após o nascimento é que pode se dizer que fica “em aberto”, não fosse assim não se faria exame de ultrassonografia para saber o sexo do bebê. E quanto aquelas pessoas que optam por não saber o sexo, o que diriam quando visse a criança e tivesse que responder a pergunta: “E aí, é menino ou menina? A resposta seria então: “bom, depende do ponto de vista...” Ademais, as provas anteriores também eram destaque pelas pérolas deixadas pelos alunos, a internet está cheia delas. Podemos citar algumas das respostas mais engraçadas utilizadas por candidatos nas provas do Enem em anos anteriores: “A floresta está cheia de animais já extintos. Tem que parar de desmatar para que os animais que estão extintos possam se reproduzirem e aumentarem seu número respirando um ar mais limpo”. “O piloto que atravessa a barreira do som nem percebe, porque não escuta mais nada”. “Cada vez mais as pessoas querem conhecer sua família através da árvore ginecológica”. “Apóstrofes são os 12 homenzinhos que comeram com Jesus e que Michelangelo bateu a foto”. O G1 traz algumas curiosidades sobre o Enem: “Roraima é o Estado com o menor número de inscritos: 22.109 candidatos, sendo que a Bahia é o estado que possui a maior proporção de mulheres inscritas na prova. São 353.070 candidatas, o que representa 60% dos inscritos, contra 227.001 homens. Ainda segundo o site, Sergipe é o estado com a maior parcela de pessoas menores de 16 anos inscritas na prova, proporcionalmente. Representam 5,41% dos candidatos de lá. Já o Ceará é o estado onde mais houve solicitação de provas com tradutor ou intérprete de libras, com 356 pedidos. No Brasil todo, haviam 450 autistas inscritos. Eles solicitaram atendimento especial para fazer o exame. No que tange ao nível de dificuldade da prova, Marcelo Dias Carvalho, professor de matemática e coordenador geral do Etapa destacou o nível do Enem 2015. "Linguagens veio com enunciados grandes e matemática exigiu muita conta. Foi uma prova muito exigente e o candidato não teve tempo de terminar a prova toda, também por conta da redação. Não dava para gastar, em média, 3 minutos em cada questão." Entretanto, houve quem questionasse se a prova do Enem estava de acordo com a educação oferecida pelo País. Histórias bonitas foram destaques no Enem 2015, como a de Natércia. Ela queria ser apenas um incentivo para a neta, que havia parado de estudar na 8ª série do ensino fundamental, mas ao voltar para a escola depois de 38 anos afastada das salas de aula, a aposentada de 67 anos, viu a oportunidade de ir ainda mais longe. G1 Na verdade, “a vida tem vários obstáculos, nada vem fácil, por isso, temos sempre que perseverar e acreditar em nossos sonhos. Começamos a nossa jornada no pré-escolar, aprendemos a pintar, colorir a cobrir as primeiras palavrinhas...” No entanto, “a vida é feita de ciclos e de pequenas batalhas que precisam ser vencidas, assim como no Enem! São com essas pequenas batalhas que vencerás a guerra, e sairá vitorioso fazendo o vestibular em uma bela faculdade.” (sic) *Advogada, Juíza Arbitral, Personalidade Brasileira. Twitter: @DolanePatricia_ You Tube: DOLANE PATRICIA RR #dolanepatricia