Bombeiro atende acidente de trânsito e descobre filho morto: 'Caí de joelhos'


Um bombeiro americano teve uma surpresa desagradável neste semana ao atender um acidente de trânsito e descobrir que entre as vítimas estava o seu filho adolescente. O caso causou comoção na pequena cidade de Ada, em Minnesota, de onde era a família do agente Randy Peterson.



Era por votla das 22h (horário local) do último domingo, quando o bombeiro recebeu o chamado de uma colisão envolvendo dois veículos. Ele sabia que seu filho Carter Peterson, de 16 anos, passaria pelo local voltando da casa da namorada. Por isso, ele diz ter sentido que podia ser o rapaz na tragédia.


"Quando vi o carro em chamas, eu sabia que era meu filho", conta Randy. "Eu caí de joelhos. Fiquei destruído. Um outro bombeiro da equipe teve que me segurar", lembra.
De acordo com informações são do jornal "Star Tribune", o motorista do caminhão que colidiu com o carro de Carter nada sofreu. Para a polícia local, o a batida foi um acidente, já que os envolvidos não estavam alcoolizados e não há indícios de que eles estavam em alta velocidade.

"Carter era um motorista cuidadoso. Nunca acelerava. Ele não fez nada de errado", consola-se o pai, que tem recebido a ajuda de amigos e da família para superar o momento difícil. "Isso é algo bom das cidades pequenas. Todos ficam juntos. O apoio da comunidade tem sido incrível", diz.